BRASIL: "ÚNICO PA͍S NO MUNDO ONDE O POVO QUE É ROUBADO
É O MESMO QUE DÁ PODER AO LADRÃO"
Ações Jurídicas
Artigos
Base Territorial
Convenções e Acordos Coletivos
Convênios
Denúncia contra Bancos
Diretoria
Esportes
Eventos
Fale conosco
Índices de Reajustes Salariais
Links
Localização / sede
Matérias
Notícias
Noticias jurídicas
Notícias RSS
Saúde
Segurança Bancária
Sindicalize-se
Untitled Document
NOTÍCIAS
Gerais
Jurídicas
RSS
Saúde
Segurança Bancária
 Artigos

Confira o último artigo cadastrado:


21/04/2008 - O QUE A IMPRENSA NÃO DIZ SOBRE A INFLAÇÃO DA

fome.

Por Luciano Martins Costa em 15/4/2008.


O noticiário dos últimos dias sobre o risco de uma crise inflacionária mundial, que afetaria com especial severidade os países mais pobres, oferece uma excelente oportunidade para se observar a dificuldade que tem a imprensa para dar uma interpretação mais profunda sobre o estado do mundo. Praticamente tudo que se publica é originado em duas ou três agências de notícias, o que induz a acreditar que se trata de uma deficiência planetária.

Vejamos os pontos principais do fenômeno: os preços dos alimentos básicos, in natura – parte do conjunto de mercadorias chamadas de commodities – vêm aumentando progressivamente ao longo dos últimos 16 meses, com uma aceleração acentuada no último trimestre. Trigo e arroz estão no topo da lista dos grãos mais consumidos, respectivamente a Oeste e a Leste do planeta. O milho completa o cardápio dos mais pobres, que são, segundo o informe Indicadores do Desenvolvimento Mundial para 2008, do Banco Mundial, 880 milhões de pessoas.

Esses indicadores vêm apontando o decréscimo do número de seres humanos extremamente pobres, que dispõem de valores correspondentes a menos de um dólar por dia. Essas são as pessoas que a imprensa chama pobres ou miseráveis, cujas vidas se caracterizam pela necessidade de lutar diariamente por alimento. São não-consumidores, não-cidadãos.

Antes que os sarcásticos elaborem a anedota de mau gosto, deve-se afirmar que o número de pobres não está acabando porque eles morrem. A pobreza vem diminuindo no mundo porque, desde o início deste século, os chamados países em desenvolvimento – sofisma menos indigesto para o que se chamava antigamente de Terceiro Mundo – apresentam uma taxa média de crescimento do PIB per capita de 4,8% ao ano. O PIB per capita resulta do cálculo da riqueza produzida pelo país, dividida pelo número de habitantes, o que revela quase uma ficção, conforme se dá a distribuição de riqueza e bem-estar – com os abismos sociais que se conhece.

Atenção para o fato de que o constante declínio da pobreza mundial desde 1993 aconteceu principalmente na zona rural, visto que a miséria nas cidades permanece mais ou menos constante. A ONU estima que 80% do declínio da pobreza rural se deve à melhoria das condições de vida no campo, e não à migração para as cidades. Isso deve ser levado em conta no noticiário sobre a crise que pode afetar a produção de alimentos.

Fronteiras agrícolas

A "inflação de alimentos" tem parte da origem nesse fenômeno: mais gente cisma de comer todos os dias, aumenta a pressão da demanda sobre a oferta, o preço sobe. Essa a explicação que a imprensa nos empurra nas primeiras linhas das reportagens. É como se o editor nos dissesse: "Procura maior, demanda menor, preço sobe. É o capitalismo, seu estúpido". Até o presidente Lula comemorou: é a "inflação do bem", aquela que aparece porque o miserável está saindo da miséria. No fundo, ele tem razão, mas seu raciocínio não completa o desenho.

Tem mais. Nos parágrafos seguintes, os jornais e revistas nos dizem que o preço dos alimentos subiu também porque parte das terras agriculturáveis está sendo utilizada para a produção de biocombustíveis. E os acionistas das empresas petrolíferas sorriem, abrem a caixa de anúncios, investem na semeadura de suspeitas sobre os projetos de substituição da matriz energética petrolífera. Em algum canto, alguém observa que o problema da competição entre o vegetal para consumo e o vegetal para fazer combustível acontece principalmente nos Estados Unidos, onde a disponibilidade de terras agriculturáveis é muito pequena. Nada a ver com o etanol brasileiro. Mas isso fica no pé da matéria.

O Brasil tem um potencial de quase 70% de suas terras agriculturáveis esperando o plantio de vegetais, sejam eles destinados a alimentar pessoas, gado, aves ou preparados para se transformar em álcool ou óleo combustível. Pela mesma razão, não há forma inteligente de justificar o avanço das lavouras sobre o cerrado e a Amazônia. A crença de que o brasileiro tem que escolher entre alimentar seu povo e abastecer seu carro é fruto de uma avaliação divulgada por Lester Brown, criador do WWI – sigla em inglês de World Watch Institute, que no Brasil se chama Instituto Mundial para a Liberdade, o Progresso e a Paz Global –, especialista em economia agrícola.

Muitos outros especialistas o contradizem e consideram sua campanha "comida versus combustível" pura demagogia. Pelo menos no caso do etanol brasileiro, a expansão da lavoura com finalidade de produção de combustíveis necessita apenas de mais ordenamento e mais responsabilidade dos empresários rurais. O Brasil possui uma área total de 845,94 milhões de hectares de terras agriculturáveis, das quais utiliza apenas 263,58 milhões de hectares para atividades agrícolas, ou seja, menos de 32% do seu potencial. Isso indica a possibilidade de expansão das fronteiras agrícolas do país e da capacidade de ampliação da produção de grãos, sem que seja necessário destruir nossa riqueza natural. Além disso, a agricultura brasileira, mesmo em pequenas propriedades, vem melhorando enormemente sua produtividade, na medida em que práticas primitivas de preparação e plantio vão sendo substituídas com a assistência de técnicos qualificados formados por aqui.

Validade endossada

O problema real, no caso brasileiro, tem origens mais antigas do que a invenção do velho Proalcool: trata-se da gestão territorial do país, que nunca considerou seriamente uma reforma agrária com o pressuposto da sustentabilidade. A lavoura avança sobre a floresta porque é administrada por delinqüentes, sob a proteção de governos de estados que formam a Amazônia Legal e sob o olhar complacente do governo federal. A ministra Marina Silva, do Meio Ambiente, é quase uma extraterrestre nesse ambiente. Muitos desses delinqüentes são agricultores pobres, sem terra, que são tangidos pelo avanço dos latifúndios. Eles queimam a floresta, formam pastagens, soltam o gado, depois fazem o rocio. Atrás deles vem o agronegócio.

Mesmo o álcool de milho, alternativa tecnológica dos Estados Unidos baseada na tradição da agricultura local, não deverá no longo prazo continuar sendo um fator de inibição para a produção agrícola. Com o avanço das pesquisas tecnológicas, estamos perto de poder produzir álcool com a palha e a espiga do milho. Como não consta entre as preferências gastronômicas, nem mesmo dos mais pobres, a degustação de espigas, naturalmente as sementes de milho seguirão sendo destinadas ao consumo humano e animal e as demais partes da planta, inclusive a haste, irão para a usina de álcool.

Claro que os subsídios do governo americano aos seus agricultores representam uma pressão adicional sobre o movimento inflacionário que nasce nos preços dos alimentos. Como é que um agricultor da África ou do Peru pode competir com um produtor do Meio-Oeste americano? Observe-se que os insumos agrícolas são fornecidos por multinacionais, que dominam também o mercado de sementes e equipamentos, e pode-se calcular o que é esse tal de mercado "livre". Esse aspecto adicional da notícia também aparece nas reportagens, meio envergonhadamente, mas não há jornal ou revista que se aventure a colocar em dúvida a validade do sistema econômico que se afirma "liberal".

Sistema de castas

Por último, mas não menos importante, vem outro ângulo da questão, que tem seu endereço muito longe das lavouras de milho, de trigo ou de arroz: o mercado de ações, onde as commodities vêm ocupando um espaço cada vez mais relevante. De olho na inclusão de quase 1 bilhão de indivíduos na lista dos seres humanos que insistem em se alimentar diariamente, e com a perspectiva de consolidação da indústria de combustíveis alternativos – o mercado de commodities também lida com minérios e outros produtos cuja demanda cresce continuamente –, os investidores depositaram fortunas nas bolsas, na expectativa de aumento dos preços. Em algum momento, a expectativa se realiza, os preços começam a subir, mais investimento é derramado na fogueira, e de repente o mundo se assombra com uma inflação de alimentos básicos.

Já não se pode, como teria feito Maria Antonieta, sugerir que, não havendo pão, os pobres comam brioches. Ou, numa versão nacional, não havendo farinha para tapioca, que se coma caviar. Afinal, somos todos politicamente corretos. A imprensa, então, nem se fala. É profundamente ecológica e socialmente responsável. Basta ler os cadernos especiais sobre Amazônia que são publicados de vez em quando.

Você, leitor e leitora, ainda vai ler muito mais sobre essa crise, porque não há recursos no sistema econômico mundial para contê-la antes que provoque muita fome e distúrbios sociais. Não por falta de dinheiro, mas por falta de lideranças, de vontade política, de condições logísticas e de desprendimento.

O dinheiro necessário para salvar alguns milhões de seres humanos ameaçados pela inanição é uma bagatela: 500 milhões de dólares. Isso é uma fração da fortuna pessoal do mais vistoso empresário brasileiro pertencente à cepa dos "sustentáveis". O que você provavelmente nunca vai ler é uma análise honesta da imprensa sobre o sistema econômico que divide os seres humanos em castas e considera que uns podem tudo e outros… bem, esses outros não compram jornais.

Fonte: OBSERVATÓRIO DA IMPRENSA
 Outras Artigos

24/09/2015 - O MESMO FISIOLOGISMO DE SEMPRE

18/09/2015 - O ÚLTIMO ATO

10/09/2015 - DILMA TEME O POVO

06/05/2015 - OKAMOTO TENTA LIVRAR A CARA DO LULLA COMO INTERMEDIÁRIO DO BNDES

04/05/2015 - A PERIGOSA ALIANÇA ENTRE A INGOVERNABILIDADE E O IMPEACHMENT

17/10/2014 - ELEIÇÕES

08/10/2014 - AÉCIO PODE COMPRAR O PALETÓ DA POSSE

03/10/2014 - UM PAÍS DE ACOMODADOS

18/09/2014 - O ABRAÇO DE LULA À CAVERNA DO ALI BABÁ

02/03/2014 - AS DISTORÇÕES IMORAIS NA TERRA DOS MARAJÁS

28/02/2014 - NADA MAIS IRÁ NOS ESCANDALIZAR

28/02/2014 - UM DIA TRISTE PARA A JUSTIÇA

28/02/2014 - BRASILEIRO NÃO REAGE E DILMA TENTA IMPEDIR VIAGEM AO EXTERIOR

19/06/2013 - A NOSSA LIBERDADE

15/06/2013 - RETIRAR PODER DE INVESTIGAÇÃO DO MP É O MESMO QUE BENEFICIAR INVESTIGADOS

10/06/2013 - SÃO PAULO ESTÁ PARANDO OU JÁ PAROU

10/06/2013 - GABRIELLI DEIXOU O CAMPO MINADO POR CONTRATOS QUE CHEIRAM MAL NA PETROBRAS

31/05/2013 - CRESCIMENTO MEDÍOCRE AMEAÇA CLASSE C E DESEMPENHO ELEITORAL DO PT EM 2014

29/05/2013 - FHC CHAMA PRÁTICAS POLÍTICAS DO BRASIL DE 'ERRADAS E ' DEFORMADAS'

02/05/2013 - BARBÁRIE E CIVILIZAÇÃO

01/05/2013 - RENOVAÇÃO, DEPURAÇÃO E EXPURGO, OU STALIN E LULA

30/03/2013 - OS EFEITOS DE TANTAS VIAGENS

24/02/2013 - MÁFIA DE TUDO QUANTO É LUGAR

15/01/2013 - 2013: ANO COM FORTE RISCO DE FLEXIBILIZAÇÃO DE DIREITOS

08/09/2012 - A CASQUINHA DE SORVETE

16/08/2012 - MERCOSUL: A OPÇÃO PELO ATRASO

30/07/2012 - O CÔMICO E O GROTESCO NA CRÔNICA DO MENSALÃO

05/10/2011 - A NEGOCIAÇÃO SEMPRE É BEM VINDA

06/09/2011 - A JUSTIÇA AINDA TEIMA EM FUNCIONAR EM UM ÚNICO TURNO

06/09/2011 - O SUBMUNDO DO GOVERNO

06/09/2011 - A PIOR ESCOLHA DE LULA

18/08/2011 - SOBRAM VAGAS NO MAUSOLÉU DOS CORRUPTOS

18/08/2011 - O NOME DA DOENÇA QUE ASSOLA O BRASIL É LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA

27/06/2011 - SEGREDO DE PAULO RENATO ATINGE O PSDB

31/03/2011 - CARTA A UM DESEMPREGADO

06/11/2010 - LULA RESSUCISCITA A CPMF PARA VINGAR-SE DOS QUE SEPULTARAM O SONHO DO TERCEIRO MANDATO

08/06/2010 - A ERA DA BOÇALIDADE

30/03/2010 - EIS O PT DE VOLTA À SUA NATUREZA. O PARTIDO TEM SEUS OBJETIVOS, E A SOCIEDADE QUE SE DANE!

22/03/2010 - SHALOM, LULA

15/03/2010 - O DESPERTAR DO DITADOR

10/03/2010 - PREVIDÊNCIA PRIVADA E O FUTURO DOS FILHOS

08/02/2010 - O COMEÇO DO FIM DO MUNDO

07/01/2010 - ESTRELA CADENTE

06/09/2009 - ACERTEI NO MILHAR

22/08/2009 - RENDIÇÃO À BARGANHA

19/08/2009 - REFLEXÕES SOBRE O FATOR MARINA DA SILVA

18/08/2009 - O DÍZIMO DO TRÁFICO

01/08/2009 - SARNEY ESTÁ PRESTES A RENUNCIAR AO CARGO

28/07/2009 - UMA "COLOCAÇÃO" NO SENADO

24/07/2009 - O GRANDE ENCONTRO

06/07/2009 - A CASA DA MÃE JOANA

15/06/2009 - SENADO FEDERAL

09/06/2009 - O SALÁRIO MÍNIMO E A EMENDA PAIM

08/06/2009 - O MINISTRO CHAPADO

08/06/2009 - A ORIGEM DA DESIGUALDADE

19/05/2009 - A MORAL DE DELÚBIO

19/05/2009 - MUDAR PARA FICAR IGUAL

27/03/2009 - A CASA DA MÃE JOANA

26/03/2009 - O CONSUMIDOR E O CAPITALISMO SELVAGEM

20/03/2009 - A CAPITALIZAÇÃO DE JUROS NOS CONTRATOS BANCÁRIOS

12/03/2009 - CAUÇÃO NA SAÚDE PÚBLICA

09/03/2009 - DÁ PARA GUARDAR ESSE SEGREDO?

27/02/2009 - O CONTROLE DO SISTEMA FINANCEIRO

23/02/2009 - SOB O DOMÍNIO DE TRAVIS

16/02/2009 - MOEDA

23/01/2009 - TRIBUNAL S/A

22/01/2009 - PEDÁGIO OU INJUSTIÇA?

07/01/2009 - RESGATANDO A DIGNIDADE NA PREVIDÊNCIA SOCIAL

27/12/2008 - POR CULPA DA JUSTIÇA MOROSA

20/12/2008 - MISTERIOSO CARTÃO DE NATAL

17/12/2008 - JUDICIÁRIO ENXOVALHADO

15/12/2008 - AS MAZELAS DA CORRUPÇÃO

11/12/2008 - O CONTÁGIO DA CORRUPÇÃO

06/12/2008 - ELES NÃO AMAM A VIDA

06/12/2008 - RESPEITO

05/12/2008 - SOBRE O QUE É MUTÁVEL

05/12/2008 - ERROS DIVERSOS E CONSTANTES

04/12/2008 - QUEM É IDOSO?

04/12/2008 - BANCOS QUEBRANDO

13/11/2008 - ÉTICA: UMA NECESSIDADE

13/11/2008 - ESTÍMULO À FRAUDE

08/11/2008 - A CRISE FINANCEIRA GLOBAL E O ESTADO BRASILEIRO

08/11/2008 - ENFIM, A BOLHA EXPLODIU...

03/11/2008 - VOCÊ RESPONDE OU REAGE...

27/10/2008 - VOCÊ UTILIZA A TÉCNICA DA RECOMENDAÇÃO...

27/10/2008 - CONVENÇÃO 158 DA OIT E A PERDA DO EMPREGO

27/10/2008 - CUIDADOS EXTRAS NA AQUISIÇÃO DE IMÓVEIS

21/10/2008 - ENTREGUE TUDO O QUE VENDE...

18/10/2008 - ATEUS BATEM NA PORTA DAS RELIGIÕES, POR LEONARDO BOFF*

18/10/2008 - MODERADORES DE APETITE

18/10/2008 - A ÚLTIMA AULA, POR VOLNEI CARLIN*

18/10/2008 - A RESCISÃO DOS CONTRATOS

18/10/2008 - CHANCE DE SER FELIZ

18/10/2008 - A EVOLUÇÃO DO DIREITO AO SILÊNCIO

29/09/2008 - CUIDADO COM SEU VOTO!

29/09/2008 - O IMPENSÁVEL ACONTECEU

17/09/2008 - "NUNCA ANTES..."

17/09/2008 - SAIBA TUDO SOBRE SEU NEGÓCIO

29/08/2008 - A LUTA DOS CORTADORES DE CANA

29/08/2008 - TEMPERAMENTO DE REBANHO

29/08/2008 - DANTAS, O ABORRECIDO

29/08/2008 - II PARTE: PORQUE NÃO SOMOS BONS OUVINTES...

26/08/2008 - A FOME NOS TEMPOS DAS SUPERSAFRAS

25/08/2008 - I PARTE: PORQUE NÃO SOMOS BONS OUVINTES...

18/08/2008 - JULGAR PELA LIBERDADE, PUNIR PELA NATUREZA

16/08/2008 - A CONSTRUÇÃO DA LIBERDADE

09/08/2008 - BARRADAS NO BAILE, OU ÓDIO ÀS GORDAS

08/08/2008 - CONJUNTURA ECONÔMICA DESAFIA NEGOCIA COLETIVA

06/08/2008 - SALÁRIO PARA PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA:

27/07/2008 - O FIO DA NAVALHA

27/07/2008 - ELES QUEREM SEU SANGUE

24/07/2008 - EU SOU A BRITNEY SPEARS!

22/07/2008 - ERRO MÉDICO E JUSTIÇA

21/07/2008 - OUVIR É MAIOR VIRTUDE DAS RELAÇÕES HUMANAS

21/07/2008 - POR TRÁS DA OPERAÇÃO-ABAFA

21/07/2008 - AS RUAS, O PALÁCIO E O PALANQUE

21/07/2008 - REFORMA TRABALHISTA, SIM. MAS QUAL?

20/07/2008 - UM PAÍS CORRUPTO. COMO OUTROS

17/07/2008 - NASSIF, O BANANA

16/07/2008 - E TUDO CONTINUA IGUAL

15/07/2008 - RETROCESSO NA EDUCAÇÃO

14/07/2008 - DANIEL DANTAS, O SÍMBOLO DA PRIVATARIA

09/07/2008 - COISAS QUE INCOMODAM

08/07/2008 - TRABALHADOR ESTÁ A FIM DE LUTA

29/06/2008 - O MERCADO DA EDUCAÇÃO

28/06/2008 - O CIMENTO DA TRAGÉDIA

28/06/2008 - O FLANELINHA DOS ARES

27/06/2008 - PREVIDÊNCIA, O STF E UM NOVO ROMBO

27/06/2008 - DUAS PAISAGENS

27/06/2008 - A "WALMARTIZAÇÃO" DO TRABALHADOR COMERCIÁRIO

27/06/2008 - NUNCA É TARDE PARA MUDAR

22/06/2008 - ASSALTO AO DINHEIRO PÚBLICO ERA PREVISÍVEL

22/06/2008 - CORRUPÇÃO

22/06/2008 - O EXÉRCITO E AS URNAS

14/06/2008 - OS ABUTRES DA AVIAÇÃO

13/06/2008 - CPMF/CSS

13/06/2008 - O COFRE, A CADEIA E O DOSSIÊ

13/06/2008 - MCLANCHE FELIZ

13/06/2008 - EDUCAÇÃO, CRESCIMENTO E DESIGUALDADE

07/06/2008 - AGIR RÁPIDO, AGIR JUNTOS

07/06/2008 - ESMOLA COM DINHEIRO ALHEIO

03/06/2008 - A IDIOTIZAÇÃO DA TELEVISÃO

02/06/2008 - O NOME É ANGELA MARIA SLONGO

02/06/2008 - O LADO SOMBRIO DA INTERNET

02/06/2008 - AS ESCRAVAS DAS FARC

30/05/2008 - UMA JORNADA HISTÓRICA

30/05/2008 - LICENÇA PARA A REVOLUÇÃO

28/05/2008 - NÃO SOFRO DE DIEGOMAINARDICE

26/05/2008 - A EMNDA 29 E A FÊNIX CPMF

20/05/2008 - OS TRABALHADORES MERECEM RESPEITO

20/05/2008 - O TRABALHADOR, A JUSTIÇA E A PREVIDÊNCIA

19/05/2008 - A BATALHA DO FATOR PREVIDENCIÁRIO

17/05/2008 - A FORÇA MORAL DO JUDICIÁRIO

17/05/2008 - ARTUR DA TÁVOLA E A VIDA INTERIOR

15/05/2008 - EU SOU BBB-VOCÊ É BBB

14/05/2008 - ACIDENTE DE TRABALHO E NEXO CAUSAL

11/05/2008 - O SENADO?, POR AFFONSO GHIZZO NETO

11/05/2008 - A PIOR MISÉRIA

04/05/2008 - LÍNGUA PORTUGUESA

04/05/2008 - O RALO DO DESPERDÍCIO

03/05/2008 - FOME: ALIMENTOS COMO NEGÓCIO, POR

30/04/2008 - CAIU NA REDE É PEIXE

28/04/2008 - DIOGO MAINARDI E O NEO-RACISMO

28/04/2008 - REVISTA ÍNTIMA E DANOS MORAIS

28/04/2008 - O PREÇO DO AUMENTO DOS JUROS

27/04/2008 - FARELO PARA UNS, CAPIM PARA OUTROS

27/04/2008 - PILANTROPIA

27/04/2008 - A URGÊNCIA DA EDUCAÇÃO

21/04/2008 - FOGO NO PAIOL

21/04/2008 - PELLEGRINO CRITÍCA FHC, MAS LULA FAZ O MESMO

20/04/2008 - BRASIL PERDE R$ 29 BILHÕES/ANO COM

20/04/2008 - O QUILOMBO DO MUNDO

19/04/2008 - COMENSALIDADE: REFAZERA HUMANIDADE

15/04/2008 - INFORME-SE ANTES DE XINGAR

15/04/2008 - A URGÊNCIA DA EDUCAÇÃO

15/04/2008 - É CRÉU NELES! É CRÉU NELAS!

09/04/2008 - ENTENDEU, TABATHA?

08/04/2008 - PROMESSAS ENGANOSAS

03/04/2008 - ENTRE ESCÂNDALOS E DESTILADOS

31/03/2008 - A REPRESSÃO AO CONSUMIDOR

25/03/2008 - TOTALITARISMO VOLUNTÁRIO

24/03/2008 - O CORVO ESPERA

24/03/2008 - O CUSTO DA GUERRA

24/03/2008 - O LAMENTÁVEL TABAGISMO!

24/03/2008 - O ESQUERDISMO CLINICAMENTE MORTO

21/03/2008 - O DIREITO DO SER NASCENTE

20/03/2008 - PODER E SEXO

18/03/2008 - NOTÍCIAS LÍQUIDAS

18/03/2008 - O CALVÁRIO DOS PROFESSORES

16/03/2008 - QUE TAL ACABAR COM O IRPF?

16/03/2008 - FORÇA DAS CORPORAÇÕES

14/03/2008 - NAPOLEÃO E O BRASIL

13/03/2008 - CADÊ O ROMBO DA PREVIDÊNCIA?

13/03/2008 - ACIDENTE DE TRABALHO E DEVER DE INDENIZAR

13/03/2008 - IMBECILIDADES IMOBILIÁRIAS

07/03/2008 - DIREITO EMPRESARIAL

07/03/2008 - DIREITO EMPRESARIAL

07/03/2008 - DIREITO EMPRESARIAL

03/03/2008 - A REPÚBLICA ABSOLUTISTA

01/03/2008 - HUMANOS?

01/03/2008 - A MINHA ENXAQUECA

27/02/2008 - O BRASIL E O MISTÉRIO DAS DUAS DÍVIDAS

22/02/2008 - ESPEREI GODOT. E ELE APARECEU

21/02/2008 - A NOITE DOS GENERAIS

21/02/2008 - AS VÍTIMAS DAS DROGAS

20/02/2008 - PSIU. RECEBEU MARCOS VALÉRIO?

09/02/2008 - TODA ARROGÂNCIA SERÁ CASTIGADA

09/02/2008 - VOCÊ É UMA PESSOA FELIZ?

09/02/2008 - RAIVAS DESPROPORCIONAIS

04/02/2008 - OS CUSTOS DE VIVER PERIGOSAMENTE

03/02/2008 - FANTÁSTICO? SÓRDIDO?

02/02/2008 - A FEIRA DOS MORTAIS E DOS IMORTAIS

02/02/2008 - O NEPOTISMO

01/02/2008 - PROJETO DE PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR DO

31/01/2008 - NOSOCÔMIO FINANCEIRO

31/01/2008 - SEGURO-DESEMPREGO

31/01/2008 - MUDANÇA DE PARADIGMA

27/01/2008 - 359 PASSOS AO REDOR DO MUNDO

26/01/2008 - PARA ONDE ESTAMOS FUGINDO?

19/01/2008 - O SENTIDO DO HUMOR E DA FESTA

14/01/2008 - A SAÍDA, MAIS UMA VEZ, É CRESCER

12/01/2008 - PRINCÍPIO TERRA

10/01/2008 - AGENDA NECESSÁRIA E AGENDA POSSÍVEL

08/01/2008 - "QUANDO A RAZÃO SE EXTINGUE, A LOUCURA É...

29/12/2007 - FICAMOS MAIS BESTIAIS

24/12/2007 - MEU PRATO DE NATAL

24/12/2007 - QUE MATÉRIA

24/12/2007 - O DOCE RABI

17/12/2007 - TEM CARA DE TIOZÃO

15/12/2007 - TRANSCENDÊNCIA E TRANSPARÊNCIA

02/12/2007 - BATALHA FINAL ENTRE LULA E FHC

19/11/2007 - CHÁVEZ, O NAPOLEÃO DE CIRCO

07/11/2007 - A IMUNDÍCIE CONTINUA LÁ

25/10/2007 - 18 BRUMÁRIO DE LULA

22/10/2007 - O PASTOR DA PAJERO

12/10/2007 - TROPA DE ELITE É FICHINHA

06/10/2007 - A EUROPA E O FMI

06/10/2007 - O QUE DEU EM MIM?

04/10/2007 - A LENTA MORTE DOS DIREITOS TRABALHISTAS

29/09/2007 - AMOR FRANCISCANO

29/09/2007 - McCARTHY ESTAVA CERTO

28/09/2007 - UMA CORRUPÇÃOZINHA

27/09/2007 - AS VOLTAS QUE O MUNDO DÁ

26/09/2007 - E SE MARES GUIA FOSSE UM SINDICALISTA?

16/09/2007 - ECONOMIA CALMA, ÉTICA ESCASSA

11/09/2007 - FAVELA BRASIL

08/09/2007 - O MULÁ OMAR BRASILEIRO

06/09/2007 - FIO DO BIGODE

03/09/2007 - O FIM DA ASSOMBRAÇÃO

30/08/2007 - CRITÉRIOS PARA ESCOLHA DOS MINISTROS DO SUPREMO

27/08/2007 - FALTA QUERER...

27/08/2007 - MAIS SOBRE A AGENDA DE DIRCEU...

18/08/2007 - A ESPIRAL DA ÉTICA

18/08/2007 - A AGENDA DE DIRCEU...

11/08/2007 - LULINHA ESTÁ SENDO INVESTIGADO PELA POLÍCIA...

07/08/2007 - DEMITIDOS TÊM REVISÃO DOS PLANOS COLLOR E...

06/08/2007 - DIRIGENTE SINDICAL, ESTABILIDADE CONST...

06/08/2007 - O PISTOLEIRO DIRCEU

02/08/2007 - HERÓIS EM TEMPOS SOMBRIOS

02/08/2007 - A RESPEITO DA LEGALIDADE DA GREVE POLÍTICA

01/08/2007 - REGULAMENTAÇÃO DA COMPETÊNCIA DA JUSTIÇA DO...

31/07/2007 - MORREMOS TODOS

30/07/2007 - O PROBLEMA DO GOVERNO LULA É GERENCIAL...

30/07/2007 - CLEPTOCRACIA EM PROSA E VERSO...

27/07/2007 - MINISTÉRIO DO ATAQUE

26/07/2007 - VERGONHA

25/07/2007 - O CUSTO DA CRISE...

24/07/2007 - CHIMPANZÉS PATINADORES

23/07/2007 - SC E ITÁLIA

23/07/2007 - AOS MESTRES, COM CARINHO

18/07/2007 - PRA FRENTE, BULGÁRIA!

17/07/2007 - "ESTUDA PARA NÃO PARECERES COTISTA"

17/07/2007 - UMA JUSTIÇA PARA INIMPUTÁVEIS

16/07/2007 - A HORA CERTA...

13/07/2007 - REDENTOR VELHO DE GUERRA

11/07/2007 - ELES SÃO OBA!, EU SOU EPA!

09/07/2007 - RELAÇÕES PERIGOSAS...

09/07/2007 - O INIMIGO DO AGRONEGÓCIO

08/07/2007 - DOIS PESOS PARA DOIS "CRIOULOS"

07/07/2007 - INDIGNADOS E ENVERGONHADOS

04/07/2007 - UMA CHANCE PARA ENQUADRAR A AEROCRACIA

03/07/2007 - O LOGARÍTMO VERDE-AMARELO: PORTARIA DO...

23/06/2007 - A FADA SININHO...

20/06/2007 - MANGABEIRA E O FOLCLORE DA CORRUPÇÃO

19/06/2007 - A IMPUNIDADE E A MOROSIDADE DO PROCESSO

18/06/2007 - NOTAS BAIXAS

18/06/2007 - PAÍS DO ABSURDO...

12/06/2007 - A BLINDAGEM DO PRESIDENTE...

11/06/2007 - O JURO DOS IDOSOS

06/06/2007 - O PERIGO DE UM TREM-BALA PERDIDA

06/06/2007 - A GAUTAMA DO ÉTER

05/06/2007 - TRIANGULAÇÃO PERIGOSA

04/06/2007 - A MÃE DE TODAS AS CORRUPÇÕES...

04/06/2007 - AQUECIMENTO GLOBAL...

02/06/2007 - OLHAR LONGE, PARA A FRENTE

02/06/2007 - SER HUMANO IMPERFEITO...

02/06/2007 - A ESCALA HUMANA...

30/05/2007 - CORRUPTOS E CORRUPTORES

29/05/2007 - ABORTO: ENTRE A COMPAIXÃO E A INQUISIÇÃO

29/05/2007 - O ESCÂNDALO ESTÁ DESMORALIZADO...

26/05/2007 - O PAC TEM DE PARAR

23/05/2007 - REPROVANDO A APROVAÇÃO

22/05/2007 - MALDITOS SEJAM OS VAMPIROS BRASILEIROS...

13/05/2007 - O NOME DAS COISAS...

08/05/2007 - O TROÇO

08/05/2007 - A MORTE DO GAROTO DE PROGRAMA

21/04/2007 - COMBATE À CORRUPÇÃO

21/04/2007 - IMPUNIDADE, UM FENÔMENO ANTIGO

18/04/2007 - A CPI DO APAGÃO DAS CPIS

18/04/2007 - UM MAU NEGÓCIO

17/04/2007 - O HOMEM-OBJETO

15/04/2007 - CONFISSÃO DE CULPA

14/04/2007 - AFRONTA À CIDADANIA - CADA DEPUTADO CUSTA...

13/04/2007 - JORNADINHA DE TRABALHO

12/04/2007 - ENGANOS FATAIS

10/04/2007 - PARABÉNS, "LULLA"!

09/04/2007 - EMENDA 3 ATENTA CONTRA ESTADO DE DIREITO

05/04/2007 - BANDIDOS x CAMUNDONGOS

04/04/2007 - UM PAÍS QUE NÃO INVESTE

04/04/2007 - A BANCADA DO PRESO

03/04/2007 - MULHERES NUAS ENTRE...

02/04/2007 - MÃE VINGATIVA

02/04/2007 - ENFEITIÇARAM O BARBUDO

01/04/2007 - O DNA DAS FRAUDES NO GOVERNO LULA

30/03/2007 - O QUE É CENSURA

30/03/2007 - "HOME PAGE" SINDICATO

30/03/2007 - PLANO BRESSER

29/03/2007 - TERCEIRO SETOR

27/03/2007 - A GLOBO E AS MEIAS VERDADES

25/03/2007 - O TREM MINISTERIAL

25/03/2007 - MENSAGEM

24/03/2007 - ESPÍRITO, MATÉRIA E VIDA: ERAS DO HUMANO

22/03/2007 - ELLE DE NOVO

22/03/2007 - A REAÇÃO À CPMF

22/03/2007 - MEMÓRIA DE UMA FRAUDE

  Sindicalize-se
+ Detalhes  
  Eventos
FESTA DOS BANCÁRIOS...
+ Detalhes
Itajaí - SC | Rua José Ferreira da Silva, 48 - Cx. Postal 118 - Centro | Telefone: (47) 3348-6374 |||  By Vale da Web
Copyright © 2017 SEEBI. Todos os Direitos Reservados.