BRASIL: "ÚNICO PA͍S NO MUNDO ONDE O POVO QUE É ROUBADO
É O MESMO QUE DÁ PODER AO LADRÃO"
Ações Jurídicas
Artigos
Base Territorial
Convenções e Acordos Coletivos
Convênios
Denúncia contra Bancos
Diretoria
Esportes
Eventos
Fale conosco
Índices de Reajustes Salariais
Links
Localização / sede
Matérias
Notícias
Noticias jurídicas
Notícias RSS
Saúde
Segurança Bancária
Sindicalize-se
Untitled Document
NOTÍCIAS
Gerais
Jurídicas
RSS
Saúde
Segurança Bancária
 Notícias Gerais

Confira as últimas notícias Gerais :

27/08/2007 - FGTS FOI CRIADO PARA SUBSTITUIR...

estabilidade.

Formar uma reserva para os casos de desemprego, compra de imóvel, aposentadoria, invalidez e morte. Essas eram as principais finalidades, para o trabalhador, que levaram à criação do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), pela lei nº 5.107/66, no governo do presidente Castello Branco (1964-67).

Com o fundo, cada trabalhador com registro em carteira passou a ter uma conta vinculada para receber os depósitos feitos pela empresa.
O valor depositado corresponde a 8% da remuneração mensal --entre janeiro de 2002 e dezembro de 2006, as empresas recolheram 8,5% (o 0,5 ponto percentual a mais foi para custear o pagamento dos expurgos ocorridos nos planos Verão, de fevereiro de 1989, e Collor 1, de março de 1990).

O dinheiro do FGTS não pode ser sacado pelo trabalhador a qualquer momento, como se fosse uma conta bancária. Os saques são feitos em algumas situações específicas.

As mais comuns são: demissão sem justa causa, aposentadoria concedida pela Previdência Social, pagamento das prestações ou quitação de imóvel, permanência do titular da conta por três anos seguidos fora do regime do FGTS, ter o titular da conta 70 anos ou mais de idade, ser o titular da conta (ou qualquer dos seus dependentes) portador do vírus HIV ou estar acometido de neoplasia maligna (câncer), estar o titular da conta (ou qualquer dos seus dependentes) em estágio terminal de vida por causa de doença grave e morte do titular da conta (nesse caso, seus dependentes recebem).

Na demissão sem justa causa, o trabalhador recebe 40% sobre o total dos depósitos. Desde janeiro de 2002, as empresas pagam 50%, mas os dez pontos percentuais também se destinam ao pagamento dos expurgos dos planos econômicos.


Fonte: FOLHA ONLINE

 Outras Notícias

16/11/2018 - DESEMPREGO CAI PARA 11,9%, MAS AINDA ATINGE 12,5 MILHÕES DE BRASILEIROS

16/11/2018 - DESEMPREGO É MAIOR ENTRE NORDESTINOS, MULHERES E NEGROS, DIVULGA IBGE

14/11/2018 - LUCRO LÍQUIDO DO BANRISUL SOBE 31,6% NO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2018

14/11/2018 - GILMAR MENDES TRAVA PAGAMENTO DE AÇÕES NA JUSTIÇA DE PLANOS ECONÔMICOS

14/11/2018 - COMO O PT ‘APARELHOU’ O BANCO DO BRASIL

13/11/2018 - CENTRAIS SINDICAIS DEBATEM REFORMA DA PREVIDÊNCIA

13/11/2018 - BOLSONARO E O DESEMPREGO

13/11/2018 - CAIXA ECONÔMICA CONFIRMA QUE DECISÃO DO STF SOBRE FGTS NÃO GERA DIREITOS EM 2018

13/11/2018 - AUTÔNOMO TEM DE GANHAR O DOBRO DE TRABALHADOR CLT PARA MANTER PADRÃO

13/11/2018 - GOVERNO DE BOLSONARO VAI PROMOVER CORTE DE CARGOS EM BANCOS ESTATAIS

  Sindicalize-se
+ Detalhes  
  Eventos
FESTA DOS BANCÁRIOS...
+ Detalhes
Itajaí - SC | Rua José Ferreira da Silva, 48 - Cx. Postal 118 - Centro | Telefone: (47) 3348-6374 |||  By Vale da Web
Copyright © 2018 SEEBI. Todos os Direitos Reservados.