BRASIL: "ÚNICO PA͍S NO MUNDO ONDE O POVO QUE É ROUBADO
É O MESMO QUE DÁ PODER AO LADRÃO"
Ações Jurídicas
Artigos
Base Territorial
Convenções e Acordos Coletivos
Convênios
Denúncia contra Bancos
Diretoria
Esportes
Eventos
Fale conosco
Índices de Reajustes Salariais
Links
Localização / sede
Matérias
Notícias
Noticias jurídicas
Notícias RSS
Saúde
Segurança Bancária
Sindicalize-se
Untitled Document
NOTÍCIAS
Gerais
Jurídicas
RSS
Saúde
Segurança Bancária
 Notícias Gerais

Confira as últimas notícias Gerais :

06/09/2007 - CENTRAIS GANHAM HOJE RECONHECIMENTO JURÍDICO

No Planalto, Lula vai anunciar aos sindicalistas o envio de projeto de lei ao Congresso.

Cinco anos após chegar ao poder, o ex-sindicalista Luiz Inácio Lula da Silva anunciará hoje, em cerimônia no Palácio do Planalto, o reconhecimento jurídico das centrais sindicais, noticiado com exclusividade pelo Estado em 1º de maio. Além de ganhar existência formal, as centrais receberão ainda injeção de recursos superior a R$ 100 milhões anuais. Os recursos correspondem a 10% das receitas da contribuição sindical. O dinheiro sairá da parcela que hoje é destinada ao governo federal, de 20% da arrecadação.

O upgrade das centrais, porém, não deve ocorrer de imediato, porque não será feito por medida provisória, como cogitado de início. A fórmula escolhida é um projeto de lei que será enviado ao Congresso com pedido de tramitação em regime de urgência.

“As centrais já têm reconhecimento político, mas não são reconhecidas do ponto de vista jurídico”, disse o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Artur Henrique da Silva Santos. Por isso, hoje as centrais não podem entrar na Justiça para defender causas dos trabalhadores. O reconhecimento jurídico também dará mais legitimidade à participação das centrais em comissões tripartites (governo, trabalhadores e empregadores).

Em troca do novo status jurídico e dos recursos, as centrais se comprometeram a estudar novas formas de financiamento da estrutura sindical para acabar com as contribuições compulsórias, informou o presidente da CUT.

Artur Henrique afirmou que o reconhecimento jurídico das centrais é só um primeiro passo num longo processo. “Desde o início do primeiro mandato estamos discutindo a reforma sindical, que ainda não saiu. O reconhecimento é só uma parte da reforma.”

A cerimônia de hoje atrasou, em parte, porque algumas centrais não conseguiriam se enquadrar nos critérios para o reconhecimento - e, por conseqüência, não teriam acesso ao dinheiro. Três delas se fundiram e formaram a União Geral dos Trabalhadores (UGT).

Fonte: O Estado de São Paulo
________________________
Quem, no passado, como a CUT esconjurava a Contribuição Sindical, hoje dócil e alegremente aplaude a chegada dos recursos financeiros. E olhe que será bastante dinheiro mesmo: o dobro do que cabe atualmente às Confederações de trabalhadores.

Entretanto, a mesma CUT já defende alternativa financeira à Contribuição Sindical. Nunca vimos dirigente sindical, aliás, ninguém rasgar ou dispensar dinheiro.

Outrora, quem recebia os recursos da Contribuição Sindical era pelego. E agora, quem recebe passou a ser combativo?
Vamos esperar. Quem viver verá!

Diretoria Executiva da CONTEC


Fonte: O ESTADO DE SÃO PAULO

 Outras Notícias

17/12/2018 - EM FIM DE GOVERNO, MINISTROS FAZEM A FESTA COM JATINHOS DA FAB. É MUITA MORDOMIA!

17/12/2018 - CAIXA DIFICULTA TRANSIÇÃO COM NOVA EQUIPE DE GOVERNO

17/12/2018 - EM ACORDO, TST TROCA REGRA EXTINTA NA REFORMA TRABALHISTA POR BÔNUS

17/12/2018 - EMPRESA VAI REINTEGRAR DIRIGENTE SINDICAL SUSPENSO DURANTE APURAÇÃO DE FALTA GRAVE

14/12/2018 - CNT DEFENDE FIM DA JUSTIÇA DO TRABALHO E PEDE A BOLSONARO EXTINÇÃO DO TST

14/12/2018 - TEMPO UTILIZADO POR BANCÁRIA DO BRADESCO EM CURSOS DE TREINAMENTO SERÁ PAGO COMO HORAS EXTRAS

14/12/2018 - MINISTRO DO TRABALHO EM EXERCÍCIO É SUSPENSO APÓS OPERAÇÃO DA PF

13/12/2018 - UM TERÇO DOS TRABALHADORES EXERCE FUNÇÕES QUE ESTÃO AQUÉM DO SEU NÍVEL

13/12/2018 - LEI TRABALHISTA TEM QUE SE APROXIMAR DA INFORMALIDADE, DIZ BOLSONARO

13/12/2018 - PAULO GUEDES PÕE RELATOR DA NOVA LEI TRABALHISTA PARA TOCAR REFORMA DA PREVIDÊNCIA

  Sindicalize-se
+ Detalhes  
  Eventos
FESTA DOS BANCÁRIOS...
+ Detalhes
Itajaí - SC | Rua José Ferreira da Silva, 48 - Cx. Postal 118 - Centro | Telefone: (47) 3348-6374 |||  By Vale da Web
Copyright © 2018 SEEBI. Todos os Direitos Reservados.