BRASIL: "ÚNICO PA͍S NO MUNDO ONDE O POVO QUE É ROUBADO
É O MESMO QUE DÁ PODER AO LADRÃO"
Ações Jurídicas
Artigos
Base Territorial
Convenções e Acordos Coletivos
Convênios
Denúncia contra Bancos
Diretoria
Esportes
Eventos
Fale conosco
Índices de Reajustes Salariais
Links
Localização / sede
Matérias
Notícias
Noticias jurídicas
Notícias RSS
Saúde
Segurança Bancária
Sindicalize-se
Untitled Document
NOTÍCIAS
Gerais
Jurídicas
RSS
Saúde
Segurança Bancária
 Notícias Gerais

Confira as últimas notícias Gerais :

20/09/2007 - IMPOSTO DE RENDA

19/09/2007 -Aprovada dedução do IR despesas com filhos ou enteados ainda por nascer.

A Comissão de Assuntos Econômicos do Senado aprovou nesta terça-feira, 18/09, por unanimidade, projeto que se destina a incluir filhos ou enteados nascituros - ou seja, ainda em gestação - no rol de dependentes para fim de dedução na base de cálculo do Imposto de Renda Pessoa Física.

O PLS 7/07, de autoria do senador Francisco Dornelles (PP/RJ), foi relatado pela senadora Kátia Abreu (DEM/TO), com parecer favorável. A proposta foi acolhida em decisão terminativa, podendo, portanto, ser enviada direto para análise da Câmara dos Deputados.

Pacto de San José da Costa Rica

No parecer, Kátia Abreu diz que Dornelles mostrou sensibilidade ao levar para o Direito Tributário regras de amparo e proteção ao nascituro. Segundo a relatora, o Pacto de San José da Costa Rica, celebrado em 1969 e ratificado pelo Brasil, garante a proteção da vida desde a concepção.

Desse modo, argumentou a senadora, deixou de haver razão jurídica ou técnica para que a dedução do IR só fosse permitida após o nascimento.

“São várias as despesas com as quais as gestantes têm de arcar mesmo antes do parto, nem todas dedutíveis como despesas próprias. Assim, é justo que lhes seja deferido um valor fixo de dedução, tal como existente para os filhos já nascidos” defendeu.

Desconto em folha

Na mesma reunião, a CAE aprovou a possibilidade de desconto em folha de pagamento de empréstimo levantado junto às instituições financeiras para permitir a quitação antecipada, de forma mais vantajosa, de contratos de empréstimos e financiamentos firmados com outra instituição.

O projeto (PLS 272/06), do senador Valdir Raupp (PMDB/RO), contou com parecer favorável do relator, senador Garibaldi Alves Filho (PMDB/RN).

O texto previa ainda hipótese de quitação antecipada, também com desconto em folha, de operação de arrendamento mercantil (leasing). Mas houve exclusão dessa possibilidade depois de alerta do senador Antonio Carlos Júnior (DEM/BA) de que as operações de leasing são beneficiadas com dedução no imposto e renda e, caso fossem antecipadas, perderiam essa vantagem.

Portabilidade de crédito

Na prática, como explicou Garibaldi, o projeto por ele relatado estende o alcance do crédito consignado - com desconto em folha - às operações de empréstimo que se destinam à quitação antecipada de financiamentos preexistentes.

A chamada portabilidade do crédito foi regulamentada pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) em setembro de 2006, sem prever o desconto em folha das parcelas nessa modalidade de operação.

Pregão

Foi adiado, pela terceira vez, o projeto que amplia o uso do pregão eletrônico nos contratos públicos (PLC 32/07). Um dos pontos mais polêmicos da proposta diz respeito ao uso do pregão na contratação de obras e serviços de engenharia, com discordância do setor da construção.

O projeto também prevê o uso, nas demais modalidades de licitação, da inversão de fases - que já é utilizada nos pregões. Por esse mecanismo, as propostas financeiras são abertas logo de início, com validação da que apresente o menor valor caso a documentação técnica e jurídica (habilitação) esteja de acordo com os requisitos do edital. Ou seja, não se examina a proposta de habilitação das demais concorrentes. (Alysson Alves com Agência Senado)


Fonte: DIAP

 Outras Notícias

14/11/2018 - LUCRO LÍQUIDO DO BANRISUL SOBE 31,6% NO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2018

14/11/2018 - GILMAR MENDES TRAVA PAGAMENTO DE AÇÕES NA JUSTIÇA DE PLANOS ECONÔMICOS

14/11/2018 - COMO O PT ‘APARELHOU’ O BANCO DO BRASIL

13/11/2018 - CENTRAIS SINDICAIS DEBATEM REFORMA DA PREVIDÊNCIA

13/11/2018 - BOLSONARO E O DESEMPREGO

13/11/2018 - CAIXA ECONÔMICA CONFIRMA QUE DECISÃO DO STF SOBRE FGTS NÃO GERA DIREITOS EM 2018

13/11/2018 - AUTÔNOMO TEM DE GANHAR O DOBRO DE TRABALHADOR CLT PARA MANTER PADRÃO

13/11/2018 - GOVERNO DE BOLSONARO VAI PROMOVER CORTE DE CARGOS EM BANCOS ESTATAIS

13/11/2018 - BANCO HSBC PLANEJA RETORNAR PARA O BRASIL

12/11/2018 - GRANDES BANCOS LUCRAM 12,7% MAIS NO 3º TRI E SINALIZAM MAIOR APETITE POR CRÉDITO

  Sindicalize-se
+ Detalhes  
  Eventos
FESTA DOS BANCÁRIOS...
+ Detalhes
Itajaí - SC | Rua José Ferreira da Silva, 48 - Cx. Postal 118 - Centro | Telefone: (47) 3348-6374 |||  By Vale da Web
Copyright © 2018 SEEBI. Todos os Direitos Reservados.