BRASIL: "ÚNICO PA͍S NO MUNDO ONDE O POVO QUE É ROUBADO
É O MESMO QUE DÁ PODER AO LADRÃO"
Ações Jurídicas
Artigos
Base Territorial
Convenções e Acordos Coletivos
Convênios
Denúncia contra Bancos
Diretoria
Esportes
Eventos
Fale conosco
Índices de Reajustes Salariais
Links
Localização / sede
Matérias
Notícias
Noticias jurídicas
Notícias RSS
Saúde
Segurança Bancária
Sindicalize-se
Untitled Document
NOTÍCIAS
Gerais
Jurídicas
RSS
Saúde
Segurança Bancária
 Notícias Gerais

Confira as últimas notícias Gerais :

12/04/2007 - BRASIL CONTINUA A SER 'TERRA DE PROMESSAS",...

DIZ "THE ECONOMIST".

Revista elege corrupção e burocracia como problemas crônicos do país.

Apesar disso, reportagem destaca efeito positivo da estabilidade política e econômica.

Transporte deficiente consome 13% do PIB brasileiro, segundo reportagem da 'The Economist'Saiba mais

» FMI melhora previsão de crescimento do Brasil

» Governo estima PIB de R$ 3 trilhões para 2009

» 'Não existe bolha mundial para explodir', afirma Goldman Sachs.

Apesar de ser a primeira letra da sigla BRIC - termo inventado pelo banco de investimento Goldman Sachs para definir os grandes países em desenvolvimento: Brasil, Rússia, Índia e China -, o Brasil tem ficado para trás quando o assunto é crescimento, tornando-se uma "terra de promessas". É o que afirma reportagem especial publicada na edição desta semana da revista britânica 'The Economist'.

A publicação lista as razões pelas quais o país tem ficado para trás quando o assunto é crescimento - nos últimos quatro anos, o Brasil cresceu 3,3%, em média, contra 7,3% dos demais países em desenvolvimento.

Custo Brasil

Segundo a reportagem, apesar de ser um importante fornecedor de alimentos para o mundo - e, mais recentemente, candidato a produtor mundial de biocombustíveis -, o Brasil continua a ser afetado por problemas estruturais, como a rede de transportes deficiente e a corrupção no poder público. "Os custos de transporte consomem quase 13% do Produto Interno Bruto brasileiro, 5 pontos percentuais a mais do que nos EUA", afirma o texto. Este tipo de problema a revista classifica como "Custo Brasil".

Além disso, a revista cita o escândalo do ''mensalão'' como um fator que desestabilizou o Partido dos Trabalhadores (PT), antes visto como uma legenda à prova de corrupção. Além disso, a reportagem lembra que as grandes capitais, como Rio de Janeiro e São Paulo, sofrem com o aumento constante da violência, enquanto há problemas sérios também nas áreas de tráfego aéreo e educação.

Milagre econômico brasileiro

Enquanto o crescimento da economia segue arrastado nos últimos anos, a 'The Economist' lembra que o Brasil já viveu, além do forte crescimento entre os anos 60 e 70, um outro um "milagre econômico" recente: o fim da inflação, iniciado pela introdução do real, em 1994.

Nos últimos anos, a estabilidade econômica derrubou a inflação para 3% em 2006 - abaixo da meta estabelecida pelo Banco Central. Além disso, o país também viu suas reservas em dólar aumentarem e seus juros reais caírem aos menores níveis desde o início da década.

A estabilidade política também ajuda o país, uma vez que, ao contrário dos outros países BRIC, o Brasil não está envolvido em brigas com nações vizinhas, como a Índia, e não tem um poder central autoritário, como China e Rússia. Em uma recente pesquisa sobre respeito à propriedade, o Brasil foi o único ''país BRIC'' a ter uma avaliação positiva, lembra a reportagem.

Apesar de lento, diz a revista, o progresso é um caminho razoavelmente certo para o Brasil - e o país deve crescer 4% neste ano. "Quando os números do PIB foram revisados em março, descobriu-se que o Brasil era mais rico e menos endividado do que se pensava. Mas poderia ser melhor", afirma a reportagem, que classifica o Estado como o principal obstáculo ao desenvolvimento do país.


Fonte: GLOBO.COM

 Outras Notícias

25/04/2019 - FEDERAÇÃO DOS BANCÁRIOS E UGT ENTREGAM DOCUMENTO SOBRE REFORMA DA PREVIDÊNCIA AO DEPUTADO FRANCISCHI

25/04/2019 - PE: LIMINAR SUSPENDE EFEITOS DA MP 873 NO

25/04/2019 - ASSOCIAÇÃO DENUNCIA REDE/ITAÚ AO CADE POR VENDA CASADA E PRÁTICA PREDATÓRIA

25/04/2019 - LUCRO DO BRADESCO CRESCE 22% NO 1º TRIMESTRE E VAI A R$ 6,2 BI

25/04/2019 - BC DIVULGA PROPOSTA QUE PREVÊ CONCORRÊNCIA A GRANDES BANCOS E JUROS MENORES

25/04/2019 - RECUPERAÇÃO DA RENDA TEM O SEU PIOR MOMENTO NA HISTÓRIA

25/04/2019 - BRASIL FECHA 43 MIL VAGAS FORMAIS EM MARÇO, MAS SECRETÁRIO DIZ QUE NÃO HÁ RAZÃO PARA

25/04/2019 - REFORMA MUDA LEIS SEM RELAÇÃO COM PREVIDÊNCIA, CORTA PIS E REMÉDIOS DO SUS

24/04/2019 - REFORMA DA PREVIDÊNCIA PASSA PELA 1ª VOTAÇÃO E SEGUE PARA COMISSÃO ESPECIAL

24/04/2019 - GOVERNO VAI REDUZIR QUANTIDADE DE ESTATAIS FINANCEIRAS EM 4 ANOS, DIZ SECRETÁRIO

  Sindicalize-se
+ Detalhes  
  Eventos
FESTA DOS BANCÁRIOS...
+ Detalhes
Itajaí - SC | Rua José Ferreira da Silva, 48 - Cx. Postal 118 - Centro | Telefone: (47) 3348-6374 |||  By Vale da Web
Copyright © 2019 SEEBI. Todos os Direitos Reservados.