BRASIL: "ÚNICO PA͍S NO MUNDO ONDE O POVO QUE É ROUBADO
É O MESMO QUE DÁ PODER AO LADRÃO"
Ações Jurídicas
Artigos
Base Territorial
Convenções e Acordos Coletivos
Convênios
Denúncia contra Bancos
Diretoria
Esportes
Eventos
Fale conosco
Índices de Reajustes Salariais
Links
Localização / sede
Matérias
Notícias
Noticias jurídicas
Notícias RSS
Saúde
Segurança Bancária
Sindicalize-se
Untitled Document
NOTÍCIAS
Gerais
Jurídicas
RSS
Saúde
Segurança Bancária
 Notícias Gerais

Confira as últimas notícias Gerais :

24/04/2007 - BARCLAYS E ABN ANUNIAM FUSÃO E CORTE DE...

23 mil empregos.

Aquisição do grupo financeiro holandês pelo britânico vai criar o 5º maior banco
Os bancos Barclays e ABN Amro, controlador do Banco Real no Brasil, anunciaram nesta segunda-feira, 23, os detalhes de seu plano de fusão, um negócio avaliado em 45 bilhões de libras esterlinas, ou cerca de R$ 185 bilhões.

O negócio, que na realidade consiste na aquisição do grupo financeiro holandês pelo britânico, se confirmado, vai criar o quinto maior banco do mundo, com operações em vários países, entre eles o Brasil, com 47 milhões de clientes e um valor de mercado de cerca de R$ 350 bilhões.

A fusão prevê um corte de 23.600 empregos dos 217 mil funcionários do novo banco, 12.800 mil serão extintos e outras 10.800 serão transferidos para locais com custos de mão de obra mais baratos. O Barclays tem 123 mil funcionários e o ABN Amro 94 mil, excluindo-se os empregados do banco La Salle.

Não há informações sobre quantos cortes serão feitos no País.

Segundo o plano anunciado na manhã desta segunda-feira, o nome do novo banco será apenas Barclays, sem referência ao grupo holandês, mas sua sede seria localizada em Amsterdã.

O Barclays vai usar 3,225 de suas ações ordinárias para comprar cada ação do ABM Amro. Isso representa um valor de 36,25 euros para cada ação do banco holandês, um pouco acima do que era esperado pelos analistas de mercado.

A oferta, que representa um prêmio de 33% sobre o preço da ação do ABN Amro antes das negociações pela fusão terem sido anunciadas, prevê que a unidade do ABN nos Estados Unidos, o banco LaSalle, será vendida para o norte-americano Bank of America por US$ 21 bilhões.

Segunda oferta

O futuro do banco holandês, porém, ainda não está totalmente definido. Executivos do ABN Amro vão receber nesta tarde os detalhes de outra oferta, que será apresentada por representantes de um consórcio formado pelo britânico Royal Bank of Scotland, o espanhol Santander, e o belgo-holandês Fortis. O conselho do ABN, porém, está recomendando o acordo com o Barclays.

Se o negócio for concretizado, o Barclays controlará 52% do novo banco e o ABN Amro 48%. A fusão prevê que o atual executivo-chefe do Barclays, John Varley, assuma o mesmo cargo na nova instituição. Arthur Martinez, atual presidente do ABN Amro, manterá esse posto no novo banco.

Os dois bancos calculam que, combinados, serão capazes de economizar 3,5 bilhões de euros até 2010. Cerca de 80% dessa redução de custos deve resultar de sinergias e o restante de melhoras no faturamento.

Perfil

Veja abaixo o perfil dos participantes do negócio:

Barclays

» O Barclays tem mais de 3,6 mil agências, em mais de 50 países, e emprega 123 mil pessoais. Em 2006, mais de metade de seu lucro foi gerado no exterior.

» O banco sediado em Londres tem seis divisões - operações bancárias britânicas; cartões de crédito Barclaycard; internacional; Barclays Capital (banco de investimento); a administradora de fundos Barclays Global Investors; e Barclays Wealth.

» Suas origens remontam a 1690, quando foi criado como empresa para ajudar monarcas e negociantes a financiar empreendimentos em todo o mundo. Depois de diversas fusões entre empresas familiares, o nome Barclays foi escolhido para a instituição em 1896, porque era o primeiro por ordem alfabética na lista de diretores.

» Novas aquisições vieram, e em 1918 o Barclays já era um dos "cinco grandes" bancos britânicos.
» O Barclays patrocina a seleção inglesa de futebol desde 2001.

ABN Amro

» O ABN Amro tem mais de 4,5 mil agências em 53 países, e emprega mais de 100 mil pessoas. O banco sediado em Amsterdã procurou crescimento fora de seu mercado de origem, a Holanda, e se concentra em clientes de pequeno e médio porte.

» O ABN AMRO tem sua origem na Netherlands Trading Society, formada pelo rei Guilherme I em 1824, e adquiriu sua forma atual em 1991, pela fusão entre o Algemene Bank Nederland (ABN) e o Amsterdam-Rotterdam (Amro) Bank.

» A Netherlands Trading Society emitiu dinheiro para facilitar comércio e transações, até 1946 em Xangai e até 1957 no Suriname.

» Rijkman Groenink, o atual presidente do ABN Amro, era visto como "duro" e "impiedoso" pela imprensa holandesa, ao assumir o banco, em 2000, devido às suas medidas de corte de custos e ao seu papel em cobrar empréstimos problemáticos.

» Um retrato da rainha holandesa Beatrix por Andy Warhol decora o saguão na sede do ABN Amro, em Amsterdã.


Fonte: ESTADÃO

 Outras Notícias

16/11/2018 - DESEMPREGO CAI PARA 11,9%, MAS AINDA ATINGE 12,5 MILHÕES DE BRASILEIROS

16/11/2018 - DESEMPREGO É MAIOR ENTRE NORDESTINOS, MULHERES E NEGROS, DIVULGA IBGE

14/11/2018 - LUCRO LÍQUIDO DO BANRISUL SOBE 31,6% NO TERCEIRO TRIMESTRE DE 2018

14/11/2018 - GILMAR MENDES TRAVA PAGAMENTO DE AÇÕES NA JUSTIÇA DE PLANOS ECONÔMICOS

14/11/2018 - COMO O PT ‘APARELHOU’ O BANCO DO BRASIL

13/11/2018 - CENTRAIS SINDICAIS DEBATEM REFORMA DA PREVIDÊNCIA

13/11/2018 - BOLSONARO E O DESEMPREGO

13/11/2018 - CAIXA ECONÔMICA CONFIRMA QUE DECISÃO DO STF SOBRE FGTS NÃO GERA DIREITOS EM 2018

13/11/2018 - AUTÔNOMO TEM DE GANHAR O DOBRO DE TRABALHADOR CLT PARA MANTER PADRÃO

13/11/2018 - GOVERNO DE BOLSONARO VAI PROMOVER CORTE DE CARGOS EM BANCOS ESTATAIS

  Sindicalize-se
+ Detalhes  
  Eventos
FESTA DOS BANCÁRIOS...
+ Detalhes
Itajaí - SC | Rua José Ferreira da Silva, 48 - Cx. Postal 118 - Centro | Telefone: (47) 3348-6374 |||  By Vale da Web
Copyright © 2018 SEEBI. Todos os Direitos Reservados.