BRASIL: "ÚNICO PA͍S NO MUNDO ONDE O POVO QUE É ROUBADO
É O MESMO QUE DÁ PODER AO LADRÃO"
Ações Jurídicas
Artigos
Base Territorial
Convenções e Acordos Coletivos
Convênios
Denúncia contra Bancos
Diretoria
Esportes
Eventos
Fale conosco
Índices de Reajustes Salariais
Links
Localização / sede
Matérias
Notícias
Noticias jurídicas
Notícias RSS
Saúde
Segurança Bancária
Sindicalize-se
Untitled Document
NOTÍCIAS
Gerais
Jurídicas
RSS
Saúde
Segurança Bancária
 Notícias Gerais

Confira as últimas notícias Gerais :

23/05/2007 - NA RAÍZ DO ESCÂNDALO

A Operação Navalha, que escancarou as relações promíscuas entre empreiteiros, parlamentares e governantes e que levou à queda do ministro Silas Rondeau, de Minas e Energia, mostra, também, e mais uma vez, a falta de controles institucionais do país sobre questões fundamentais de suas contas, a começar pelo orçamento. Na primeira metade da década de 90, a CPI dos Anões do Orçamento havia tornado públicas essas relações e suas implicações criminosas.

O escândalo das sanguessugas, no ano passado, mostrou que aquelas relações ainda geravam crimes e permitiam que, à sombra das liberações dos recursos de emendas parlamentares, prosperasse um comércio de interesses claramente corrupto e corruptor. O atual escândalo tornado público pela ação da Polícia Federal na Operação Navalha confirma que os esquemas de assalto aos cofres públicos não só não foram desativados, mas continuam intactos, operam recursos vultosíssimos e envolvem personalidades próximas do poder.

Por trás da exuberância corruptora mostrada pelas investigações estão delineados o fracasso dos controles públicos e a incompetência daqueles a quem, por dever de ofício, cabia estruturação de um sistema à prova de assaltos. O espanto com que o país reagiu no começo dos anos 90 diante da revelação de que, no interior da Comissão de Orçamento, eram praticadas tropelias contra a nação e a sociedade, não produziu energia suficiente para fazer com que as torneiras da corrupção fossem enfim fechadas.

Os mesmos esquemas criminosos que vigoravam com os anões foram constatados no ano passado no escândalo das sanguessugas e estão escancarados agora em episódios cuja extensão não cessa de crescer, que envolvem dezenas de deputados, estendem tentáculos a vários ministérios, abrangem governadores e ex-governadores e apontam para o uso corrupto de montanhas de recursos públicos.

Novamente o país se confronta com a necessidade de agir radicalmente para impedir que a administração se converta em cenário fácil para esses crimes. A sistemática atual de discussão e aprovação do orçamento, da mesma maneira que a liberação de verbas, especialmente das emendas, precisa ser reformada.

A incapacidade dos partidos de se financiarem de maneira legal para enfrentar as disputas eleitorais é outra das questões que estão na origem da corrupção, como estiveram também no centro do escândalo do mensalão. Ou seja, novamente a questão da reforma política vem à tona num momento de constrangimento nacional pela revelação de um processo de corrupção que afeta Executivo e Legislativo, envolvendo políticos de praticamente todos os partidos. A própria legitimidade democrática acaba afetada quando parcelas importantes dos partidos e dos candidatos são financiadas com recursos da corrupção.


Fonte: DC

 Outras Notícias

13/11/2018 - CENTRAIS SINDICAIS DEBATEM REFORMA DA PREVIDÊNCIA

13/11/2018 - BOLSONARO E O DESEMPREGO

13/11/2018 - CAIXA ECONÔMICA CONFIRMA QUE DECISÃO DO STF SOBRE FGTS NÃO GERA DIREITOS EM 2018

13/11/2018 - AUTÔNOMO TEM DE GANHAR O DOBRO DE TRABALHADOR CLT PARA MANTER PADRÃO

13/11/2018 - GOVERNO DE BOLSONARO VAI PROMOVER CORTE DE CARGOS EM BANCOS ESTATAIS

13/11/2018 - BANCO HSBC PLANEJA RETORNAR PARA O BRASIL

12/11/2018 - GRANDES BANCOS LUCRAM 12,7% MAIS NO 3º TRI E SINALIZAM MAIOR APETITE POR CRÉDITO

12/11/2018 - CAMPANHA JÁ SUPERA 2 MILHÕES DE ASSINATURAS CONTRA AUMENTO DE SALÁRIO DO STF

12/11/2018 - UM ANO DE VIGÊNCIA DA REFORMA TRABALHISTA, NÃO GEROU EMPREGO E PRECARIZOU TRABALHO

12/11/2018 - REFORMA TRABALHISTA FOI A MAIOR PROPAGANDA ENGANOSA DO GOVERNO TEMER

  Sindicalize-se
+ Detalhes  
  Eventos
FESTA DOS BANCÁRIOS...
+ Detalhes
Itajaí - SC | Rua José Ferreira da Silva, 48 - Cx. Postal 118 - Centro | Telefone: (47) 3348-6374 |||  By Vale da Web
Copyright © 2018 SEEBI. Todos os Direitos Reservados.