BRASIL: "ÚNICO PA͍S NO MUNDO ONDE O POVO QUE É ROUBADO
É O MESMO QUE DÁ PODER AO LADRÃO"
Ações Jurídicas
Artigos
Base Territorial
Convenções e Acordos Coletivos
Convênios
Denúncia contra Bancos
Diretoria
Esportes
Eventos
Fale conosco
Índices de Reajustes Salariais
Links
Localização / sede
Matérias
Notícias
Noticias jurídicas
Notícias RSS
Saúde
Segurança Bancária
Sindicalize-se
Untitled Document
NOTÍCIAS
Gerais
Jurídicas
RSS
Saúde
Segurança Bancária
 Notícias Gerais

Confira as últimas notícias Gerais :

24/07/2007 - ACORDO GARANTE R$ 30 MIL, FACULDADE E...

estabilidade.

Acerto através de conciliação entre trabalhador que perdeu parte dos dedos e empresa foi mediado por juiz

A perda parcial dos dedos das duas mãos em acidente do trabalho resultou, para Ademio Schuster, em indenização de R$ 30 mil, estabilidade no emprego por sete anos e pagamento das mensalidades da faculdade de Educação Física que quer cursar.

Mediado pelo juiz substituto Fabio Alessandro Palagano, o acordo foi firmado entre o trabalhador e a empresa C. S. M. - Indústria e Comércio de Fogões Ltda - no último dia 12, em audiência na Vara do Trabalho (VT) do município de São Miguel do Oeste.

Para o juiz Palagano, a utilização de técnicas conciliatórias - como as de isolamento e estimulação - favoreceu a composição.

- Verifiquei a intenção do autor em continuar os estudos, apesar das limitações impostas pelo acidente, e a disposição da empresa em contribuir para a diminuição do sofrimento dele, o que possibilitou uma solução intermediária, aceita, de forma muito positiva, pelos interessados - explicou o magistrado.

O acordo ainda incluiu o pagamento do transporte do município de Maravilha, onde reside o autor, até o local da universidade, bem como uma jornada de trabalho adequada para a freqüência ao curso, que deverá estar concluído até o ano de 2013. A inscrição para o vestibular também será bancada pela empresa.

Para a hipótese de extinção da C. M. S. antes do término da garantia de emprego, a obrigação será convertida em indenização, abrangendo os salários mensais, os 13º salários e o valor de Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) devidos durante o período de estabilidade.


Fonte: Diário Catarinense - 15.07.07


Fonte: TRT SC

 Outras Notícias

24/04/2019 - REFORMA DA PREVIDÊNCIA PASSA PELA 1ª VOTAÇÃO E SEGUE PARA COMISSÃO ESPECIAL

24/04/2019 - GOVERNO VAI REDUZIR QUANTIDADE DE ESTATAIS FINANCEIRAS EM 4 ANOS, DIZ SECRETÁRIO

23/04/2019 - OFICIAIS DO EXÉRCITO SÃO CONDENADOS...

23/04/2019 - PROJETO ELEVA ISENÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA PARA 5 SALÁRIOS MÍNIMOS

23/04/2019 - GOVERNO CEDE NA PREVIDÊNCIA

23/04/2019 - GOVERNO INCLUI CORREIOS EM PROGRAMA DE PRIVATIZAÇÃO DE ESTATAIS

23/04/2019 - CAIXA: DE INDUTORA DO DESENVOLVIMENTO À "PUXA FILA DA PRIVATIZAÇÃO"

22/04/2019 - SISTEMA DE REPARTIÇÃ0 ENTROU EM COLAPSO; CONDENA PRESIDENTE DO IPEA

22/04/2019 - NESTA TERÇA TEM REUNOÃO DA CONTEC COM A FENABAN SOBRE "SEGURANÇA BANCÁRIA"

22/04/2019 - REFORMA DA PREVIDÊNCIA NÃO GARANTE RETOMADA ECONÔMICA, SEGUNDO BLACKROCK

  Sindicalize-se
+ Detalhes  
  Eventos
FESTA DOS BANCÁRIOS...
+ Detalhes
Itajaí - SC | Rua José Ferreira da Silva, 48 - Cx. Postal 118 - Centro | Telefone: (47) 3348-6374 |||  By Vale da Web
Copyright © 2019 SEEBI. Todos os Direitos Reservados.